Saiba como ter um bom desempenho na redação do Encceja

Cartilhas esclarecem critérios avaliados e trazem orientações sobre como evitar erros que comprometam a nota. Exame será aplicado no próximo domingo (29)
Foto: Google/ Por descomplica

Uma das provas que mais gera expectativa nos participantes do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) é a de redação. O tema costuma ser aguardado desde os dias que antecedem a aplicação até o momento em que, finalmente, são entregues as folhas com os textos motivadores e as linhas em branco. Com o objetivo de esclarecer os aspectos que envolvem a prova do Encceja 2020, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) disponibilizou as cartilhas do participante sobre a redação do exame.

As duas publicações, uma voltada para quem irá buscar a certificação do ensino fundamental e a outra, para os que desejam o certificado do ensino médio, estão disponíveis no portal do Instituto. O objetivo é oferecer uma visão abrangente de tudo o que é avaliado na prova, de forma prática, com exemplos reais e explicações resumidas. Cada capítulo é relacionado a um dos critérios avaliados no Encceja.

A divisão didática foi feita para apresentar, passo a passo, o funcionamento do processo de avaliação aos participantes. Simples e diretas, as cartilhas esclarecem os diferentes aspectos que os avaliadores observarão na redação e apontam os caminhos para ter um bom desempenho, preenchendo as linhas com um texto dissertativo-argumentativo coerente e coeso.

Orientações e critérios – O material também traz orientações importantes sobre os principais erros a serem evitados, como, por exemplo, a fuga do tema. Esse aspecto, inclusive, é preponderante. O participante que não escreve sobre o assunto proposto sequer tem o texto avaliado nos outros critérios, as chamadas competências.

As cartilhas trazem, em detalhes, cada uma dessas competências avaliadas na redação do Encceja. São quatro, no caso da prova para ensino fundamental, e cinco, para os participantes que buscam certificação do ensino médio. Quanto mais próximo o participante estiver de cumprir com todas as competências exigidas, mais perto do desempenho estará para alcançar uma boa nota.

Planejamento – A folha de rascunho é fundamental para escrever a primeira versão do texto. Nela, o participante pode organizar as ideias, rascunhar, riscar e corrigir trechos antes de passar a redação para a folha definitiva. Embora não seja obrigatório, escrever um rascunho evita excesso de rasuras, trechos incorretos ou marcações que podem atrapalhar a leitura dos avaliadores e comprometer a nota do participante. Outra vantagem do rascunho é evitar o risco de ultrapassar o limite de linhas. São, no máximo, 25 para o ensino fundamental e 30 para o médio. Nada que seja escrito fora desse espaço de texto é avaliado.

Encceja 2020 – O Inep aplicará o Encceja 2020 no próximo domingo, 29 de agosto, para mais de 1,6 milhão de pessoas, em 622 cidades brasileiras. Ao todo, 301.438 participantes farão provas para obter certificação de ensino fundamental e 1.328.608, do ensino médio. A participação é voluntária, gratuita (para quem não faltou à última edição) e destinada a jovens e adultos que não concluíram os estudos na idade apropriada.

Encceja – O exame é realizado pelo Instituto, desde 2002, em colaboração com as secretarias estaduais e municipais de Educação. Embora seja aplicado pelo Inep, a emissão do certificado e da declaração de proficiência é responsabilidade das secretarias de Educação e dos institutos federais de Educação, Ciência e Tecnologia que firmam termo de adesão ao exame.

Acesse a Cartilha do Participante para o ensino fundamental

Acesse a Cartilha do Participante para o ensino médio

Confira a retificação do edital do Encceja 2020

Acesse o Sistema Encceja

Saiba mais sobre o Encceja

Fonte: Assessoria de Comunicação Social do MEC com informações do Inep

Deixe seu comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem