Produção de beiju gera renda para agricultores familiares de Jaguaripe

Foto: Divulgação

A produção de beiju e de outros produtos derivados da mandioca está gerando renda para 40 famílias de agricultores e agricultoras familiares da zona rural do município de Jaguaripe, no Território de Identidade Baixo Sul. A expectativa é que, com a inauguração da unidade de beneficiamento de mandioca, prevista para o primeiro semestre de 2022, eles alcancem autonomia financeira.

Estão sendo investidos R$ 726,2 mil pelo Governo do Estado, por meio do projeto Bahia Produtiva, na Associação dos Produtores Rurais e Agricultores Familiares do Riacho do Miranda, para a construção da unidade de beneficiamento. Além disso, os agricultores são atendidos com o serviço de assistência técnica e extensão rural (Ater), da Federação de Órgãos para Assistência Social e Educacional (FASE), instituição contratada pelo Bahia Produtiva, para prestar este serviço a famílias atendidas via projeto.

Para o presidente da associação, João Ricardo Teixeira Santos, o Bahia Produtiva está levando, principalmente, mais perspectiva de um futuro melhor para a comunidade. “Os investimentos já estão dando frutos. Foi realizada uma capacitação com o grupo para confecção de beiju e, muitos que estavam parados retomaram as atividades e a comercialização”, afirma.

Os beijus estão sendo comercializados para o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), na feira livre e no comércio local. Por semana são produzidos mais de cinco toneladas de produtos como beiju, tapioca e bolacha de goma.

O associado João Carlos Santos ressalta que acompanha o processo de organização da produção desde 2004. “Sempre estivemos preocupados em utilizar nossa matéria prima para gerar renda e, ao mesmo tempo, organizar a produção. A chegada do Bahia Produtiva vem capacitando a produção e já houve significativa melhoria na renda dessas famílias, que já podem comprar utensílios para suas casas como geladeira, fogão e TV, com a venda dos produtos. A unidade de beneficiamento vai trazer independência financeira”.

O Bahia Produtiva é um projeto executado pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa pública vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), cofinanciado pelo Banco Mundial.

Fonte: Ascom/SDR

Deixe seu comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem