APLB PTN realiza passeata pela ruas da cidade em busca do reajuste salarial dos profissionais da educação

Foto: APLB-PTN

Na manhã desta terça-feira(05 abril) a APLB PTN realizou uma passeata dando reinício as paralisações em defesa reajuste do Piso Nacional Salarial de 33,24% para os professores e do repasse da inflação dos últimos 3 anos para os servidores de apoio que recebem acima do salário mínimo. Participou também do evento, os profissionais d educação de Teolândia.

"O povo na rua, Prefeito a culpa é sua!", essas foram as palavras de ordem entoadas pelos manifestantes, que percorreram as principais ruas da cidade para explicar para a população o motivo da paralisação e reivindicar os reajustes. Em pontos estratégicos, participantes fizeram uso da palavra para expor a atual situação que os trabalhadores da educação municipal se encontram.

Na próxima quinta-feira esta prevista mais uma passeata, desta vez pelas de Moenda ou Corte de Pedra, onde a pretensão é mostrar a população daquele distrito saber o por que os trabalhadores da educação estão paralisando as suas atividades.

A APLB, afirma que se manifesta publicamente e continua aberta ao dialogo para a mesa de negociação.

Três reuniões já aconteceram entre a APLB PTN e a gestão municipal nos dias 04/03, 25/03 e 30/03 e não chegou a nenhum acordo sobre os reajustes pleiteados pelos trabalhadores da educação.











Fotos: APLB

Com informações da APLB -PTN

Deixe seu comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem