Jefferson chega ao presídio de Benfica após ataque a tiros e granadas contra PF

Ex-deputado que cumpria prisão domiciliar pode voltar ao presídio de Bangu, onde esteve encarcerado em 2021
Foto: Reprodução / Redes sociais
 
Roberto Jefferson (PTB) chegou ao presídio de Benfica, no Rio de Janeiro, na madrugada desta segunda-feira (24), após atirar e jogar granadas contra agentes da Polícia Federal que cumpriam mandado de prisão na residência do ex-deputado federal, em Levy Gasparian (RJ), na noite do domingo (23).

De acordo com informações do portal Metrópoles, a PF conseguiu prender o político por volta das 19h, após ele resistir por oito horas. Após o ocorrido, Jefferson foi levado à superintendência da Polícia Federal na capital fluminense, antes de seguir para a prisão. Segundo o site, ele ainda pode ser transferido para o presídio de Bangu, onde esteve encarcerado no ano passado.

Roberto Jefferson cumpria prisão domiciliar, no âmbito do inquérito que investiga “organização criminosa, de forte atuação digital e com núcleos de produção, publicação, financiamento e político com a nítida finalidade de atentar contra a democracia e o Estado de Direito”.

O mandado de prisão deste domingo se deu, após ele descumprir medidas cautelares como uso de redes sociais e ataques a integrantes do Supremo Tribunal Federal (STF), incluindo xingamentos à ministra Cármen Lúcia.

Bahia.ba 

Deixe seu comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem